sexta-feira

POESIA GÓTICA SOZINHA NA ESCURIDÃO

Tags




Matam-me por dentro
Destroem-me por fora.

Os medos sacrificam meu estado mental.
As tristezas secam os meus olhos.

Meu coração tornou-se frio,escuro.
O tédio preencheu meu dia,minha noite

Assim fui largada a escuridão.
Assim fui largada a solidão.