CONTO SONHANDO ~ TRIBO DOS GÓTICOS



Categoria:

CONTO SONHANDO




Ele acordava com a luminosidade forte e ardente do sol em seu rosto .O céu estava completamente azul e uma brisa suave passava por ali , deixando o dia fresco .
Sua roupa era diferente daquela que ele havia vestido para dormir : era confortável , macia , leve e de uma brancura inestimável . Se onde ele estava era um sonho , ele queria permanecer e permaneceria se sua amada estivesse ali , ele ainda podia senti-la . Dois amantes separados pelo inevitável : a morte .
Resolveu que seria hora de explorar mais desse lugar . Levantou-se e começou a andar pela grama verde e rasteira que estava em baixo de seus pés .
Ele andava com calma , sem pressa nenhuma de desfrutar daquele lugar . Para ele era o paraíso .
Começava a avistar , ao horizonte , uma árvore e quanto mais se aproximava mais ele enxergava uma silhueta . Havia mais alguém naquele lugar e parecia que aquela pessoa esperava alguém .
Ele andou até parar uns dez passos atrás daquela pessoa . Levou um choque ao ver quem era . Ele a reconheceria em qualquer lugar , mesmo agora , de costas para ele , ele sabia quem era .
Ela estava parada . Seu cabelo balançava com a brisa , mas ela não se importava . Seu leve vestido dançava ao ritmo do vento .
- Olá , Juliano ! - disse ela , com sua doce voz .
Ele mal conseguia falar . Era inacreditável vê-la ali a sua frente . Ele queria toca-la , abraça-la , sentir o cheiro natural de sua pele , a maciez de seus lábios - sim , ele a amava .
E o fez , ele foi até ela : a puxou em um forte abraço . Queria gravar o teu cheiro , a quentura de sua pele , a sensação de sentir seu corpo junto ao dela : queria gravar aquele momento , cada leve pedaço daquele momento . Lágrimas caiam de seus olhos , ele chorava de alegria em vê-la e em tristeza de saber que tudo não passava de um sonho .
Ela segurou teu rosto com suas mãos , beijando cada lágrima que escorria de seus olhos até seus lábios se encontrarem , deixando o fogo que crescia entre eles se torna uma chama ardente de desejo e paixão .
Se afastando dele , ela pôde olha-lo nos olhos e ver a tristeza que eles carregavam . Ele ao olha-la novamente e ver seu rosto sereno e suave como sempre fora , abriu um largo sorriso enquanto tocava seu rosto .
- Vim para me despedir . - disse ela
- Não , por favor , não vá ! - implorava ele , enquanto a apertava mais e mais contra seu corpo .
- Vim só me despedir - começou ela - Não deu tempo de lhe dizer : Adeus ! Tudo aconteceu rápido demais - ela continuava enquanto colocava uma flor , um lírio na mão dele . - É hora de me deixar ir.Preciso ir .
Ela começou a se afastar pegando as mãos dele e as beijando enquanto aquele lírio era colocado em suas mãos .Foi se afastando mais e mais , nunca deixando de olha-lo , sempre com um rosto sereno e um sorriso nos lábios .
- Jamais se esqueça que te amo . Adeus meu amor ! - disse suas últimas palavras .
E assim o sonho acabou , fazendo-o voltar a sua realidade . Ele acordou rapidamente sentando na cama em um só movimento : estava ofegante e com lágrimas que não paravam de escorrer . Ele olhou ao redor e notou que no chão ao lado de sua cama estava o lírio , a flor preferida de sua amada .
Agora ele sabia que nada fora um sonho e que ela havia voltado para se despedir dele . Ela nunca havia deixado de ama-lo . Porém , ele chorava , mas já não era de tristeza e sim de alegria .
- Eu também , jamais deixei de te amar . - disse ele olhando para a flor .

 
  • GeraLinks - Agregador de links
  • Copyright © TRIBO DOS GÓTICOS™ is a registered trademark.
    Blogger Templates Designed by Templateism. Hosted on Blogger Platform.