segunda-feira

GÓTICOS E MARIPOSAS

Tags

maruposa gotica toda preta rock

Usada no expressionismo gótico, através da arte em geral passando pela literatura aos mais modernos trabalhos digitais , é símbolo de muito que o gnosticismo e toda a sua mística, ideais, e cultura tem a demonstrar. Assim como a borboleta, a mariposa também passa pelo processo de metamorfose, tão significativo como símbolo de transformação. Mas ao contrário das borboletas, as mariposas são noturnas. Para os astecas, a mariposa era conhecida como o "Sol Negro", pois atravessa os mundos subterrâneos em sua viagem noturna. Há uma deusa na mitologia asteca chamada Itzpapalotl - de "itzili", obsidiana, e "papalotl", mariposa, pois em suas asas leva navalhas de obsidiana, uma pedra negra. A mariposa Attacus atlas é associada com esta deusa.

Mariposa Attacus Atlas
A mariposa é o fogo oculto que simboliza a morte - mas a morte transformadora, pois deve-se compreender que não é esmagando a lagarta que conseguimos que ela se transforme em borboleta ou mariposa. Trata-se de um ciclo contínuo de transformação. Portanto, também simboliza a imortalidade.

As mariposas são o movimento nas sombras, a alma das bruxas. Sentem-se atraídas pela luz, simbolizando a busca arrebatada pela verdade, assim como a alma se sente atraída pela divindade. Também da força consumidora da paixão, pois voa em torno do fogo, que a atrai irresistivelmente, até ser queimada.